Dicas para fazer cursos internacionais

Dicas para fazer cursos internacionais

É normal surgirem medos e dúvidas, mas com um bom planejamento tudo é possível. Quando buscamos caminhos para alcançar nossas metas, já estamos evoluindo profissionalmente. Por isso, vou te ajudar a entender como os Cursos Verakis podem se encaixar na sua realidade.

 

> Só falo português.

Não tem problema, pois você irá com uma turma de brasileiros, e a Verakis é brasileira. Os tutores das visitas traduzem tudo na hora, e você pode fazer perguntas que o tutor irá perguntar por você.

 

> Não consigo pagar um curso nem no Brasil!

O pagamento do curso é muito facilitado. Pode ser parcelado desde que a última parcela seja no mês do curso. Portanto, vale se planejar e fazer a inscrição com antecedência.

 

> Mas como vou pagar um curso em euros?

Existem algumas formas de pagamento, acordado diretamente com a Verakis. Uma delas é se cadastrar no site “remessa”, que calcula em reais o valor que você quer transferir. Você transfere via TED o valor a pagar, envia o comprovante, o site identifica o pagamento e transfere o valor em euros. Daí todo mês você faz esse processo, no valor combinado com a Verakis.

⚠ O site calcula de acordo com a cotação do euro naquele dia. Portanto, o valor para pagar muda a cada mês. Uma dica é ficar de olho ao longo do mês e tentar fazer no dia que o euro estiver mais baixo. Daí você só avisa a Juliana que a parcela do referido mês já foi paga.

 

> Poderia ser melhor fazer uma pós.

Uma pós-graduação no Brasil possui um formato totalmente diferente, não dá para comparar. A visita técnica tem uma proposta de te colocar como observador de uma realidade e fazer você refletir sobre as suas práticas, sua rotina. Serve como inspiração e motivação para conhecer, agregar e melhorar os nossos processos e práticas profissionais. Os modelos europeus realmente são muito inspiradores.

 

> As passagens são muito caras.

Se compradas sem planejamento, sim! Uma dica primordial é: pesquise e compre com antecedência. Os valores variam muito de acordo com o destino, de empresa e da época do ano. Em janeiro as passagens costumam ser mais baratas do que julho, pois janeiro é inverno na Europa e o verão acontece em julho, atraindo mais turistas. Dê preferência para viagens a noite.

Comparando os preços: pesquise em vários sites (Decolar, Google Flights, Melhores Destinos). Sexta a noite, sábado e domingo é possível conseguir preços melhores e promoções.

Pagando as passagens: pode-se parcelar no cartão de crédito, boleto bancário à vista ou transferência bancária à vista. Caso você não consiga nenhuma dessas formas de pagamento, vá até uma agência de viagem (como por exemplo, a CVC) e se informe sobre compra de passagens. Sim! Eles podem vender apenas a passagem e parcelar em forma de carnê! Nesse caso você já pode solicitar um orçamento de passagem + hotel.

 

> Hospedagem.

Pesquise nos sites da decolar, booking, tripadvisor, trivago… Existem muitas opções! Hostels ou Airbnb são MUITO mais baratos e super confiáveis na Europa!! Em Hostels você tem a opção de pegar quartos compartilhados.

Nessa etapa eu procurei a Isabela e pedi o contato de outras pessoas que se inscreveram no curso que estariam abertas a dividir hospedagem, e deu certo! E paguei aproximadamente metade do valor que pagaria em uma hospedagem sozinha! E de quebra fiz amigas e contatos. Dá uma segurança maior estar com um grupo de pessoas brasileiras. Na hora de passear rolou muita ajuda entre o grupo para se localizar, conseguir se comunicar nas lojas, etc.

 

> Não posso sair do Brasil agora.

A proposta da Verakis não exige que você deixe nada para trás. Os cursos costumam ser de rápida duração, porém de grande proveito! Em uma visita e nos debates pós visita se aprende mais do que em um curso teórico mais longo… Você apenas precisa estar de férias ou uma semana livre do trabalho.

 

> Não tenho coragem de ir só.

É possível combinar o mesmo vôo com outras alunas, se hospedar juntas, e fazer tudo juntas. Na hora de embarcar, realmente você pode estar só, mas a Verakis envia uma carta para apresentar na imigração, caso necessário. É muito tranquilo.

Vale se programar com os horários de vôo espaçados (se tiver conexão) , para fazer as coisas com bastante calma, sem pressa. O “Google Translate” também ajuda muito se estiver perdido, é só acessar o wi-fi do aeroporto.

 

> Não posso ir sem minha família.

Tinha aluna acompanhada do namorado, aluna com a mãe e uma que foi até com duas filhas (maiores de idade). Portanto, caso você queira ir acompanhado é possível, ele não participará das visitas, mas poderá passear em outros locais durante o período que você estiver em curso.

 

> Custos adicionais:

Considerei 40 euros por dia… e deu pra esbanjar bastante porque você quase não gasta com transporte e alimentação por lá (Verakis fornece).

Considere: dinheiro para compras durante a viagem, taxa do passaporte (caso precise), Seguro viagem (obrigatório, as agências de viagem e os bancos vendem esse seguro).

Alimentação: irá gastar somente com café da manhã e jantar, basicamente. Procure ficar numa hospedagem com cozinha (pode ser comunitária mesmo), ou quarto com frigobar, e comprar no mercado alguns itens para consumo prático (iogurte, atum/sardinha, saladas e frutas, ovos).

Internet para celular: não acho necessário, pois nos locais de hospedagem e públicos costumam ter wi-fi. Durante o curso quase não usa o celular (nem é permitido, tem máquina fotográfica própria).

 

A Verakis é uma fundação francesa, presidida pela Profª Dra Juliana Grazini, que reside na França há mais de 15 anos. Se você quiser saber mais sobre a Fundação Verakis, segue o site: http://www.verakis.com


#verakis #verakismadrid #vtverakismadrid #visitatecnicanaeuropa #visitatecnicaverakis #visitatecnica #qualidadedealimentos #tecnologias #cursosverakis #inscricoesabertas #vagaslimitadas

🔸➖🔸➖🔸⠀
Carolina Andriolli ⠀
Nutricionista – CRN 10-2130⠀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s